Consumidores reclamam que iPhone 5 está em falta em lojas do Brasil

Novo smartphone da Apple foi lançado no país em dezembro.
Operadoras dizem que estão reabastecendo seus estoques.

Do G1

João Ivo Leite Vilela, de 22 anos, espera que as operadoras deem uma previsão de quando terá o iPhone 5 disponível nas lojas (Foto: Arquivo Pessoal)

João Ivo Leite Vilela espera que as operadoras deem uma previsão de quando o iPhone 5
estará disponível (Foto: Arquivo Pessoal)

Consumidores brasileiros estão tendo dificuldade para encontrar unidades do iPhone 5 em lojas das operadoras. Lançado no Brasil em dezembro, o novo smartphone da Apple está em falta e as empresas não conseguem repor seu estoque, conforme alguns usuários. Sem um compromisso contratual, o dispositivo sai por a partir de R$ 2,4 mil no país.

Consciente da alta demanda pelo iPhone em lançamentos, João Ivo Leite Vilela, de 22 anos, esperou o início de janeiro para sair em busca do aparelho em lojas de Goiânia (GO). No shopping Flamboyant, o maior da cidade, ele visitou as lojas da Tim, Vivo e Claro. Em nenhuma delas havia estoque do dispositivo e nem previsão de novos aparelhos.
“No último sábado (19), voltei ao shopping e, novamente, não encontrei nenhum iPhone 5. Na loja da Tim, um funcionário disse que chegaram dois aparelhos por funcionário (cerca de 14), e todos foram vendidos no mesmo dia”, relata Vilela, que tem um modelo 4S. “As operadoras não passam nenhuma previsão sobre a data em que novas unidades podem chegar. A procura é muito grande e não há aparelho disponível. Elas deveriam dar um apoio maior ao cliente”, opina.

Vilela quer vender seu iPhone atual, mas não gostaria de ficar sem nenhum aparelho enquanto não encontra a última versão. “Fiquei sem iPhone quando estava esperando pelo 4S. Vendi o modelo anterior e fiquei quase um mês sem. Foi muito difícil porque já estava acostumado com o aparelho. Você fica muito viciado. O iPhone te fornece tudo”, conta.

iPhone 5 ganhou uma tela maior, de 4 polegadas, e ficou mais fino e leve (Foto: Yves Herman/Reuters)

iPhone 5 ganhou uma tela maior, de 4 polegadas, e ficou mais fino e leve

(Foto: Yves Herman/Reuters)

Vilela, que quer a versão de 16 GB desbloqueada, sempre comprou seus iPhones no Brasil. “Já pensei em trazer de fora, mas tenho receio de não funcionar ou dar problema. Prefiro pagar mais caro para ter essa segurança”, diz.

Enrico Kavalli, de 18 anos, está usando um celular básico enquanto não encontra o iPhone 5 em Curitiba (PR). Ele vendeu seu iPhone 4S há duas semanas para adquirir a nova versão. Na última quinta-feira (17), o estudante foi às lojas de todas as operadoras em três shoppings da cidade, e em nenhuma delas havia o aparelho.

“Pediram meu telefone e disseram que ligariam assim que chegassem mais aparelhos”, conta Kavalli, que quer comprar o modelo de 32 GB. “Logo que lançaram o iPhone 4S no Brasil, não tive nenhuma problema de o aparelho estar esgotado. Estou sentindo muita falta, principalmente para acessar as redes sociais, que uso pelo computador”, conta.

Vinicius Menezes, de 15 anos, está esperando novos aparelhos chegarem às lojas para comprar seu primeiro iPhone (Foto: Arquivo Pessoal)

Vinicius Menezes, de 15 anos, está esperando novos aparelhos chegarem às lojas para comprar seu primeiro iPhone (Foto: Arquivo Pessoal)

Em busca de seu primeiro iPhone, Vinicius Menezes, de 15 anos, foi a maior loja da Vivo em Campos dos Goytacazes (RJ), no início do ano, e encontrou unidades do novo smartphone disponíveis. Porém, na época, Menezes ainda estava pensando se iria comprar o aparelho. Uma semana depois, o estoque estava esgotado.

“Agora,  vou viajar e só pretendo ir atrás novamente depois do carnaval”, disse Menezes, que tem um Android Xperia Pro, da Sony Ericsson. O estudante conta que não encontra o modelo de 32 GB nem em lojas on-line. “Eu decidi comprar o iPhone 5 por causa da tela. Acho a do 4S pequena (3,5 polegadas), já que meu Xperia tem 3,7 polegadas”.

saiba mais

O G1 entrou em contato com as quatro maiores operadoras do Brasil para verificar se o iPhone 5 estava em falta nas lojas. A Vivo disse que dispõe de algumas unidades em sua rede de lojas e que vai reabastecendo as mesmas assim que recebe novos lotes da fabricante.
A Tim admitiu que o iPhone 5 está esgotado na maior parte das suas lojas devido a grande demanda de fim de ano. A operadora disse que já negociou com a Apple a reposição dos estoques para o mais breve possível e aguarda o envio dos aparelhos. A Oi afirmou que está em processo de reabastecimento do aparelho em suas lojas durante esta semana.
A Claro informou que tem registrado alta demanda do iPhone 5 desde o início da comercialização, em dezembro de 2012. “Com isso, pela grande procura, pode acontecer de alguns pontos não terem estoque. Para atender a este público, a operadora esclarece que está em constante negociação com o fabricante e que tem priorizado o abastecimento em suas lojas e pontos de vendas pelo Brasil”, acrescentou a operadora.

 

avatar_wordpress_arredondado

https://fabianoflorentino.wordpress.com/

Anúncios

Publicado em 25 de janeiro de 2013, em G1 - Tecnologia e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Um comentário começa grandes debates!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: