Venda de PCs cresce 2% no Brasil

Segundo o IDC Brasil, foram vendidos 7,8 milhões de PCs no primeiro semestre de 2012

 

O mercado brasileiro de PCs demonstrou sinais de desaceleração durante o primeiro semestre de 2012, chegando ao total de 7,8 milhões de computadores comercializados e apresentando um crescimento de 2% em relação ao primeiro semestre de 2011, segundo o estudo Brazil Quarterly PC Tracker, realizado pela IDC, líder em inteligência de mercado, consultoria e eventos para as indústrias de Tecnologia da Informação e Telecomunicações. Em previsões realizadas no início do ano, a expectativa era de um crescimento de 7% para o período.
De acordo com o estudo, a taxa de crescimento do Brasil foi a pior entre os países do BRIC: Rússia cresceu 37%, Índia 9% e China 3%. “Durante o primeiro semestre, o país enfrentou dificuldades econômicas que afetaram diversos setores, inclusive o de bens de consumo para o segmento de informática. Apesar das tentativas do governo em reaquecer a economia, observamos uma insegurança maior por parte das empresas em realizar novos investimentos frente a um cenário de crise internacional e uma instabilidade na confiança do consumidor brasileiro”, diz Attila Belavary, analista do mercado de PCs da IDC Brasil.
Das máquinas vendidas no primeiro semestre de 2012, 45% foram desktops e 55% notebooks (que incluem netbooks, ultrabooks e ultrafinos). “A diversidade de produtos é cada vez maior e atende o gosto e a necessidade específica do consumidor. O usuário doméstico tende a preferir a portabilidade dos notebooks e as empresas optam pela segurança dos desktops, que representam metade do segmento corporativo durante o período”, declara o analista da IDC.
Do total de computadores comercializados, 27% foram destinados ao segmento corporativo, 67% ao segmento doméstico e 6% para Governo e educação. “A variação cambial foi responsável por reduzir o número de ofertas disponíveis no varejo e levou alguns fabricantes a aumentarem seu preço final. Além disso, a competição com outros dispositivos, como tablets e smartphones, fez com que os usuários tivessem que priorizar seu investimento”, completa Belavary.
Para a IDC Brasil, as vendas para este ano devem crescer 8% em relação ao ano passado e totalizar 17,2 milhões de PCs comercializados. A taxa foi reduzida dos 13% de crescimento prevista no início do ano. ”Apesar da expectativa otimista para o segundo semestre, que contará com um aumento de notebooks ultrafinos produzidos localmente e o lançamento do Windows 8, o cenário mundial de instabilidade econômica dificulta maiores crescimentos para toda a indústria”, finaliza.

 

Fonte: http://www.baboo.com.br/conteudo/modelos/Venda-de-PCs-cresce-2porcento-no-Brasil_a52416_z345.aspx

 

avatar_wordpress_arredondado

https://fabianoflorentino.wordpress.com

Anúncios

Publicado em 1 de setembro de 2012, em Baboo e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Um comentário começa grandes debates!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: